11 May 2020

Shams-ud-Din Muhammad Hāfez-e Širāzi (c.1315-1390), Hafiz de Xiraz, foi um poeta persa do século XIV que viveu na cidade de Xiraz, no sudoeste do atual Irã. Sua obra, que é absolutamente central no cânone literário persa, consiste principalmente em gazéis, uma forma lírica que possui como temática central o amor, a separação e o vinho. Em seus poemas, Hafiz desenvolve uma poética caracterizada pela ambiguidade e polissemia, misturando significados profanos e místicos de uma maneira inédita até então. É, infelizmente, pouco conhecido no Brasil, mas seus versos já foram elogiados por Manuel Bandeira em “Gazal em louvor de Hafiz”, poema que adot...

29 Apr 2020

Leio como quem sente fome de alma. Por essa razão, tenho o hábito de iniciar conversas com pedidos de indicação de leituras. Minha rede de afeto também é trançada por livros compartilhados, de todos os gêneros e sabores. Um dia, pedi a uma dessas amigas com as quais troco autores, uma sugestão de leitura. Cheguei assim a Torto Arado...

23 Mar 2020

Gosto mais da música do que da literatura de Chico é uma frase clichê do circuito cult. A afirmação supõe um indivíduo que conhece em profundidade a produção musical e literária do filho de Sérgio Buarque de Holanda a ponto de escolher identificar-se com o que seria o seu melhor, a música. De tão repetida, a frase mais confirma o caráter social dos gostos, como bem demonstrou Pierre Bourdieu [1], do que o saber apurado sobre a obra de Chico Buarque. Quem repete o clichê considera os textos de Roda Viva, Gota d'Água e Ópera do Malandro como literatura ou restringiu ao termo apenas os romances do carioca...

22 Nov 2019

O Flamengo é um fóssil vivo. É o remanescente melhor conservado de uma época longínqua em que o futebol fez-se o reduto da autoconfiança desassombrada, da fé em si, de uma empáfia orgulhosa em meio ao desamparo da vida. Por razões que a ciência desconhece, o torcedor rubro-negro vive envolto nessa certeza imprudente da vitória, capaz até de farejar seus cheiros. Mesmo em meio ao descalabro, duas vitórias consecutivas são suficientes para fazer ressurgir o famoso “estão deixando o Mengão chegar”, tão zombeteiro quanto convicto. Durante a amarga penúria que foram os últimos dez anos, a torcida viveu do sebastianismo dos atacantes heroicos. Wagn...

13 Aug 2019

O chamado “resgate” da literatura de autoria feminina produzida no Brasil do século XIX foi um marco nos estudos sobre a trajetória das mulheres e questões de gênero. Na década de 1970 já poderia ser percebida uma movimentação para a articulação dos estudos sobre a mulher; mas, na literatura, enquanto campo de investigação organizado e reconhecido institucionalmente, só pode ser identificado com a organização do Seminário Regional sobre a Mulher na Literatura (Universidade Federal de Santa Catarina, 1985), e no ano seguinte, criou-se o Grupo de Trabalho Mulher na Literatura (ANPOLL, 1986).

A leitora poderá estranhar, num primeiro momento, e ce...

23 Jul 2019

Talvez um dos nossos grandes desafios hoje nas ciências sociais seja compreender o Brasil que simultaneamente tornou possível e emergiu da eleição presidencial de 2018. Isto, se a tomamos como um marco temporal para visualizar a paulatina consolidação de perspectivas e projetos nacionais que parecem caminhar na contramão dos anos recentes da nossa história política. Não é de hoje nem são poucos os esforços nesse sentido, que se voltam para diversos temas e questões pertinentes à elucidação do Brasil atual – as manifestações de rua desde 2013 [1], os novos grupos e coletivos da direita política [2], o processo de impeachment da presidenta Dilm...

Please reload